O Mobile Marketing há um bom tempo já não é mais uma novidade e, muito menos, se apresenta como um diferencial em um negócio digital.

Hoje, ele é soberano e obrigatório para quem deseja ser competitivo em seu mercado de atuação, devido ao volume de acessos que provém dos dispositivos móveis.

Venda mais com anúncios online.

Inscreva-se abaixo para receber conteúdos do campo de batalha sobre como vender mais através de anúncios no Google, YouTube, Facebook e Instagram - As maiores ferramentas de vendas da internet.

Antes, muitos profissionais não se preocupavam tanto em trabalhar um mobile marketing “perfeito”, isso porque tratava-se de algo tornando-se tendência no setor, portanto errar era totalmente natural e aceitável.

Agora, cometer estes mesmos erros é algo injustificável, e pode, inclusive, acabar com a sua estratégia, fazendo com que você perca tempo, potenciais clientes, oportunidades e, claro, um grande volume de conversões.

Pense com a gente… Lá, em 2010, no início do mobile marketing, nós, aqui do Mestre do Ads, já falávamos da importância dele, do quanto você poderia sair na frente de seus concorrentes, se começasse a trabalhar essa tendência o quanto antes.

Então, porque, hoje, quando as pesquisas apontam uma crescente e, até mesmo, superação nos acessos via mobile sob os computadores de mesa, você acha que cometer erros na sua estratégia de mobile marketing seria aceitável?

Não é exagero nosso, um recente estudo da eMarketer revelou que só no mercado norte americano, são gastos em mobile marketing, mais de U$16 bilhões de dólares por ano e tende a crescer muito mais, afinal, essa foi a marca que 2015 atingiu.

Consegue entender o grande setor que se ergueu à sua frente? É por isso que você precisa levá-lo à sério, evitando erros bobos que prejudicam seriamente as suas expectativas de ganho.

Talvez, você esteja planejando a sua estratégia de Mobile Marketing nesse momento ou já até tem uma em funcionamento, mas está sentindo que os resultados não estão tão positivos como deveriam.

Então, esse conteúdo é para você! Nós o criamos para lhe mostrar 5 erros que acabam com a sua estratégia de Mobile Marketing, dessa forma, você poderá evitá-los ou corrigi-los.

Se interessou? Então se prepare e vem com a gente!

 

mobile-marketing1

 

#1 – Não ter um Aplicativo do Seu Negócio

Se esse conteúdo tivesse sido produzido em 2010, talvez, você poderia usar a desculpa de que não tem um aplicativo para o seu negócio, porque é algo muito caro ou difícil de fazer.

Só que já estamos em pleno 2017, onde ofertas de plataformas que constrói aplicativos são muito comuns, inclusive, proporcionando que você monte em poucos minutos o seu, de maneira simples e prática.

Nós, aqui no Mestre do Ads, até já escrevemos um artigo sobre uma dessas plataformas. Lembra?

Não tem jeito, dentro de uma estratégia de mobile marketing, ter um aplicativo do seu negócio é ter a oportunidade de oferecer uma melhor experiência, atrair mais cientes, fidelizá-los, posicionar a sua marca, entre outras coisas tão importantes.

Conselho de amigos? Faça o seu aplicativo o quanto antes ou você corre o risco de perder seu posto nos próximos anos, quem sabe, até mesmo, nos próximos meses.

Afinal, nesse mercado, as coisas acontecem muito rapidamente!

#2 – Você Não Tem Um Projeto de Divulgação Inteligente

Talvez, você não esteja vendo todos os resultados prometidos pelo Mobile Marketing e, então, está pensando seriamente se não é melhor mudar os planos. Acertamos?

Calma, você não precisa e nem deve desistir do Mobile Marketing. Na verdade, o que você precisa é de um projeto de divulgação inteligente.

Você sabe, não basta ter um aplicativo incrível, ótimas promoções, excelentes produtos, se ninguém os conhece.

Principalmente em um mercado de alta concorrência, se você não trabalhar o marketing digital corretamente, visando atingir o seu público alvo, dificilmente os resultados serão positivos.

Estude seu público alvo, verifique as plataformas em que eles estão mais ativos, e comece a divulgar assertivamente.

Não adianta você criar campanhas incríveis, incentivando o uso de suas plataformas mobile, como o seu aplicativo, por exemplo, em locais que não suportam esse tipo de ação. Fique atento à isso.

 

mobile-marketing

 

#3 – Não Ter Um Site Responsivo

Este é um dos piores, se não o pior erro que se pode cometer, quando o assunto é estratégia de mobile marketing.

Diga-nos! O que adianta divulgar seus conteúdos, produtos e serviços na plataforma mobile, se quando o usuário acessa-os, eles são direcionados para um site que nem carrega em seus smartphones ou tablets?

No mínimo, sem um site responsivo, você estará perdendo conversões, clientes e tempo, além de dinheiro! Não só porque você não vendeu, mas também porque investiu em publicidade e não terá retorno.

Sem contar que ao não ter um site responsivo, você estará oferecendo uma péssima experiência ao usuário, afetando diretamente sua credibilidade e imagem no setor.

Então, se você não tem um site responsivo, providencie o quanto antes. Além disso, tenha o cuidado de trabalhar, tanto o design, o layout, quanto os conteúdos, de forma que a identidade de tudo, inclusive das campanhas, se mantenham e sejam uniformes.

Isso ajudará o seu potencial cliente a te enxergar coerentemente, com mais segurança na ação.

#4 – Não ter Botões de Call To Action Preparados Para o Mobile Marketing

Os botões de call to action são extremamente importantes para as suas campanhas, afinal, eles direcionam os usuários para as ações de conversão.

Se você tem todo o cuidado de criá-los, planejá-los e posicioná-los em seu site, porque você não toma o mesmo cuidado quando trata-se do mobile marketing?

Esse é um dos erros que matam sua estratégia e, infelizmente, ele é muito cometido.

Não sabemos o real motivo, mas desconfiamos de que é pura e simples falta de atenção. Por isso, para não sair prejudicado, verifique sempre se seus botões de CTA estão aparentes e destacados.

 

mobile-marketing.

 

#5 – Não Entregar a Opção De Preenchimento Automático

As pequenas telas, apesar de serem muito práticas, geralmente, não são as melhores para ficar preenchendo informações, seja para colocar um e-mail e fazer login ou para completar um longo formulário.

Por isso, não entregar a opção de preenchimento automático é um pecado mortal, pois acaba prejudicando e muito a experiência do usuário.

Sem contar que a simples falta dessa opção, pode fazer com o usuário desista de você e vá atrás do seu concorrente mais bem preparado.

Pense no seu potencial consumidor, facilite as coisas, deixe que ele logue a partir das redes sociais ou ofereça a opção de guardar as informações para o próximo acesso.

 

É isso! Esperamos que você tenha aproveitado ao máximo cada informação. Ficou com dúvidas? Escreva para nós.

Forte Abraço.

Compartilhar.

Uma semana de aulas ao vivo para você aprender a vender mais com anúncios no Google, Facebook, YouTube e Instagram - As maiores ferramentas de vendas da internet.

Cadastre-se abaixo para participar: