Há quem acredite que mentiras quando repetidas à exaustão se tornam verdades, há até um ditado popular que afirma exatamente isso. Você concorda?

Nós, aqui, do Mestre do Ads, acreditamos que mentiras que são muito repetidas, são quase verdades, mas não porque elas se tornam, mas sim porque muita gente acaba acreditando.

Hoje, nesse conteúdo, nós temos um caso clássico dessa situação, que certamente, vai te deixar um tanto quanto surpreso.

Nós lhe mostraremos, 3 mentiras sobre o Facebook Ads que são quase verdades, só porque são exaustivamente repetidas por aí.

Fique atento, pois essas quase verdades, podem ser a causa do seu baixo retorno nas campanhas de marketing na rede social.

Ou pior, podem ter feito você perder tempo, oportunidade e clientes por fazerem você acreditar em algo que não era verdade.

Quer descobrir tudo? Então nos acompanhe agora mesmo!

 

3-Mentiras-Sobre-o-Facebook-Ads-Que-São-Quase-Verdades

 

1ª Mentira sobre o Facebook Ads – As Interações São Compradas

Uma das grandes mentiras que se tornaram “quase verdades” sobre o Facebook Ads tem a ver com as interações nos anúncios.

Há um bom tempo atrás, estourou o número de empresas que vendiam comentários, curtidas, compartilhamentos, ou seja, interações nos anúncios.

O problema é que essas interações compradas e geradas artificialmente, na grande maioria das vezes, traziam uma péssima qualidade de tráfego.

Isso quer dizer, pessoas que não tinham nenhum interesse no produto/serviço comercializado por aquele negócio.

A partir desse movimento, muita gente passou a dizer que todos os anúncios tinham interações artificiais e isso foi sendo repassado, como um grande telefone sem fio.

Então, muita gente passou a acreditar que os resultados apontados pelo Facebook Ads eram manipulados, pois na verdade, as interações eram todas de pessoas que não se tornariam clientes, afinal, elas estavam sendo pagas para gerar aquelas ações.

Se você acreditou nisso, então saiba que essa é uma grande mentira, que só se tornou uma quase verdade pela quantidade de vezes que foi repetida.

 

facebook-ads-ecommerce

 

2ª Mentira sobre o Facebook Ads – Anunciar na Coluna Direita é Ruim

Se você se interessa por Facebook Ads, certamente, já ouviu essa “quase verdade”. Certo?

Aqui no Mestre do Ads, nós até já falamos sobre isso. A questão é que há uma grande discussão à cerca desse assunto, há quem defenda que anunciar na coluna direita é ruim e há quem diz ser excelente.

O grande ponto é muito simples: Não há uma regra que se aplique à todos os tipos de negócios.

Veja bem! A lateral direita do Facebook Ads é um espaço publicitário conhecido por todos, até mesmo pelos próprios usuários da rede social.

Como presume-se que os usuários estão naquela plataforma para se relacionar e, portanto não gostam de serem atingidos por publicidade, as pessoas começaram a dizer que aquele espaço era ruim, pois evidenciava demais a ação de marketing.

Além disso, há quem diga que os usuários passaram a nem olhar para aquele espaço, culminando em um CTR 10 vezes menor do que os outros espaços publicitários do Facebook.

Aí você pode pensar:

  • “Ah, então isso é verdade!”.

Depende do seu ponto de vista. Isso porque a partir dessa mentira, muita gente deixou de anunciar na coluna direita do Facebook Ads, acarretando em uma concorrência muito menor.

Automaticamente, esse cenário deixou aquele espaço mais favorável para quem continua anunciando ali. Concorda?

Sem contar que o custo para o anunciante da lateral direita também diminuiu. Agora nós é que te perguntamos:

  • “Será que não há vantagens em anunciar na coluna direita do Facebook Ads?”.

É como apontamos acima, não há uma regra que se aplique em todos os tipos de negócios.

Você pode ser muito mais atraente aos olhos do seu público na barra lateral, dependendo do caso.

 

Mentiras-Sobre-o-Facebook-Ads-Que-São-Quase-Verdades

 

3ª Mentira sobre o Facebook Ads – O Alcance Diminuiu Por Culpa do Marketing

Essa é uma das maiores polêmicas quando o assunto é o Facebook Ads. As pessoas ainda hoje continuam dizendo que o alcance das publicações orgânicas caíram, porque o Facebook está “obrigando” as marcas a investirem em marketing.

Essa afirmação tem um grande potencial para se tornar uma “quase verdade” porque faria sentido uma empresa, como o Facebook, “incentivar” que as pessoas comprem seus serviços, como qualquer outra marca faz.

O problema é que isso não faz tanto sentido pela plataforma se tratar de uma rede social, onde a experiência do usuário está em foco nos projetos da empresa.

Considerando o cenário, pense bem, o que faz mais sentido?

  1. Uma rede social diminuir o alcance das publicações orgânicas para encher as timelines de informes publicitários.
  2. Ela diminuir o alcance para favorecer a experiência do usuário, mostrando à ele só publicações que atendam às suas expectativas de interesse.

Nós acreditamos na segunda hipótese. Isso porque as atualizações da rede social mostram, até mesmo nos perfis dos usuários, que a exibição das publicações atendem a uma regra parecida ao que o Google segue.

Isso quer dizer, o Facebook está mais inteligente, avaliando o comportamento do usuário, seus gostos, os seus assuntos de interesse, os perfis que mais interagem, para a partir disso determinar conteúdos que tem maior potencial de relevância, exibindo-os na timeline do usuário.

O alcance não diminuiu para te obrigar a anunciar, ele diminuiu porque o Facebook melhorou a experiência do usuário, exibindo os conteúdos mais relevantes.

Essa exibição por relevância também pode ter um motivo: O aumento de usuários na rede social e, consequentemente, de conteúdos gerados.

Obviamente, quanto maior o volume de conteúdos gerados e conexões entre os usuários, mais difícil de controlar a exibição é, tornando um ambiente um tanto quanto desorganizado, impactando a qualidade do relacionamento, principal proposta da plataforma.

 

Por hoje é só! Esperamos ter lhe ajudado a identificar as 3 mentiras sobre o Facebook Ads que são quase verdades e, dessa forma, contribuir para que você não se deixe enganar por elas.

Ficou com alguma dúvida? Então deixe sua pergunta nos comentários abaixo ou venha conversar com a gente nas redes sociais do Mestre do Ads.

Desejamos-lhe sucesso sempre, a gente se vê!

Forte Abraço.

Compartilhar.