O marketing não é uma atividade tão recente assim, desde que o mundo surgiu, as técnicas de vendas existem, o que acontece é que elas evoluem ao longo do tempo, sempre moldadas ao comportamento do consumidor.

Já percebeu que a cada dia que passa, novas técnicas e novas maneiras de aplicar o marketing surgem?

Venda mais com anúncios online.

Inscreva-se abaixo para receber conteúdos do campo de batalha sobre como vender mais através de anúncios no Google, YouTube, Facebook e Instagram - As maiores ferramentas de vendas da internet.

Enquanto estamos criando esse conteúdo, muito provavelmente, uma porção de técnicas estão sendo apresentadas ao mundo.

Esse comportamento ao mesmo tempo em que é positivo para o setor de vendas, deixa os profissionais confusos, sem saber o que é melhor aplicar em seus negócios.

Pior do que isso é que torna-se quase humanamente impossível acompanhar todas as novidades.

Muitas vezes, a consequência disso é a aplicação de técnicas que já estão “vencidas” e a perda de oportunidade por não ter feito o que era preciso no momento certo.

A partir dessa situação, surgem as questões:

  • “Essa técnica X não funciona para o meu negócio porquê?”.
  • Eu fiz tudo certo, apliquei cada etapa, mas não obtive os resultados prometidos. O que aconteceu?”.

E apontamentos do tipo:

  • “Essa técnica é furada, o profissional X que a indica só quer nos enganar”.
  • “Esse tipo de aplicação não serve para o meu negócio!”.

A gente entende tudo isso perfeitamente, mas pode ter certeza que as aparições dessas afirmações e questionamentos tem um culpado. Na maioria dos casos, não houve o aproveitamento da oportunidade no tempo correto.

Nós, aqui do Mestre do Ads, sabemos que você não tem tempo o suficiente para buscar essas novidades.

Por isso, queremos facilitar as coisas, lhe entregando informações relevantes sobre as tendências do marketing.

Hoje, este conteúdo é exatamente sobre isso. Nosso objetivo é te apresentar o Marketing Sensorial.

Já ouviu falar? Sabe do que se trata? Se as suas respostas foram negativas, não tem problema, pois nós vamos te explicar.

Fique com a gente e aproveite! Prometemos, não vai demorar e nem vai ser tão complicado quanto parece.

Aqui está a oportunidade de você utilizar uma técnica que está trazendo resultados excelentes no presente. Não deixe escapar!

Preparado? Então vem, pois já vamos começar.

 

aplicar Marketing Sensorial

 

Afina, o que é Marketing Sensorial?

Você já deve ter percebido que as técnicas de marketing que mais dão resultados positivos são aquelas que trabalham dentro de um jogo de encanto e sedução com o público alvo ao qual elas se destinam. Certo?

A conquista é uma das bases mais sólidas do marketing. Para conseguir seduzir um potencial cliente à ponto dele realizar uma conversão, é necessário aguçar desejos, vontades, sobretudo, sentidos que o façam acionar essas “ações”.

Na maioria das vezes, o que impulsiona uma pessoa à realizar ações, nesse caso, comprar ou querer algo, são os seus sentidos, aqueles mais primitivos.

Então, se você quer vender algo, é preciso entender o público e encontrar técnicas que vão desde demonstrar que ele tem uma dor, até apresentar a melhor solução para ela, causando encantamento, desejo.

O Marketing Sensorial trabalha exatamente isso. São técnicas dentro de uma estratégia que visa despertar as cinco sensações mais primitivas do consumidor.

O tato, o olfato, a visão, a audição e o paladar, tudo isso em prol de estimular o desejo de consumir algo.

Como dissemos acima e também já mostramos mais profundamente em um conteúdo sobre o funcionamento do cérebro aqui no blog, essa técnica é tão poderosa porque ela trabalha com a parte reptiliana da mente humana, ao qual é responsável por engatilhar as decisões.

Essa parte do cérebro também aciona as emoções, que impulsionam decisões de maneira mais automática.

Quando uma pessoa compra por impulso ou deseja muito um item à ponto de não pensar antes de converter, na grande maioria das vezes, quem está agindo por ela é o cérebro reptiliano.

 

Marketing-Sensorial-usar

 

Como Funciona o Marketing Sensorial na Prática?

Você deve estar se perguntando como é possível aplicar esse tipo de técnica em um negócio, na prática. Certo?

Antes que sua própria mente te confunda, nós precisamos lhe dizer que não há nada de complexo nisso, muito pelo contrário.

É bastante simples realizar a aplicação do marketing sensorial nos seus negócios, inclusive, há muitos profissionais que já se utilizam dessas técnicas sem nem saber que elas são nomeadas assim.

Você pode ser um deles!

Por exemplo:

  • Sabe quando você vai até uma loja e se identifica tanto com o ambiente que passa horas e mais horas sem nem perceber?
  • Sabe aquele cheiro de comida gostosa do restaurante que te convida a ir até lá, estando a km de distância?
  • Sabe o cheiro de pipoca que exala nos cinemas?
  • E aquela imagem do anúncio que faz você querer ter o produto só para conseguir o mesmo estilo de vida que está sendo sugerido ali?

Tudo isso faz parte do marketing sensorial. É o aguçamento do desejo através dos sentidos. O cheiro, a visão de um estilo, o paladar.

Se você ainda não aplica essas técnicas em seu negócio, então você precisa de dois ingredientes para começar:

  1. Entender profundamente o seu negócio, especificamente cada produto que será ofertado.
  2. Conhecer o seu potencial consumidor com o máximo de detalhes possíveis.

A partir disso será possível entender quais dores o seu produto pode sanar, o que ele pode representar e, sobretudo, como você pode usar esse “valor” para “seduzir” o seu potencial consumidor através do sentidos.

 

Marketing Sensorial

 

Marketing Sensorial e a Experiência Durante o Processo de Consumo

Você pode até já ter identificado isso, mas nós precisamos deixar claro. O marketing Sensorial anda totalmente em conjunto com a experiência do usuário durante o processo de consumo.

Há quem diga que é por meio do marketing sensorial que os negócios conseguem construir uma melhor experiência para o consumidor.

Quando você apresenta um estilo de vida que pode ser adquirido por meio do seu produto, você está trabalhando a experiência e o marketing sensorial. Percebe?

Basicamente, o ponto que une as duas coisas é a ligação sensorial, emocional sugerida ao consumidor.

Obviamente, não estamos falando somente da atração inicial, porque nesse caso, é preciso fazer mais, é necessário construir um relacionamento. Usando os sentidos e o desejo para conectar o potencial cliente ao produto e, consequentemente, à marca.

Simplificando, poderíamos dizer que a estratégia é completa por atrair, conquistar, influenciar e encantar à ponto de fazer com que o cliente volte mais vezes.

É isso! Este é o momento de você aproveitar ao máximo o marketing sensorial, testando e aplicando em seus negócios.

Ficou com alguma dúvida? Então venha conversar com a gente!

Desejamos-lhe sucesso sempre, a gente se vê.

 

Forte Abraço.

Compartilhar.

Uma semana de aulas ao vivo para você aprender a vender mais com anúncios no Google, Facebook, YouTube e Instagram - As maiores ferramentas de vendas da internet.

Cadastre-se abaixo para participar: