Muita gente já venceu diversas barreiras quanto à plataforma do Ads, principalmente, em relação à conhecimento das funções, do potencial de resultados e tudo mais…

Prova disso é a crescente no volume de investimento nesse tipo de publicidade, os números são realmente impressionantes.

Venda mais com anúncios online.

Inscreva-se abaixo para receber conteúdos do campo de batalha sobre como vender mais através de anúncios no Google, YouTube, Facebook e Instagram - As maiores ferramentas de vendas da internet.

Por outro lado, ainda há alguns obstáculos em relação ao recurso, pois ele é extremamente abrangente e, mais, tem uma velocidade de atualização enorme.

Com esses dois fatores, é absolutamente natural que as dificuldades no entendimento do funcionamento geral do Google Ads surjam.

Analisando esse segmento, nós, do Mestre do Ads, descobrimos que a maioria dos profissionais, anunciantes, ainda se enrolam bastante com as políticas da plataforma.

Seja porque não prestaram atenção no início de tudo, não reservaram um tempo para ler todas as premissas ou porque simplesmente deixaram de olhar as atualizações importantes.

O problema é que a partir desse descuido, aparentemente, inofensivo, agravamentos podem surgir em suas campanhas, à começar por punições e a terminar como bloqueios de contas por prazo indeterminado.

 

O que é conteúdo enganoso no Ads

 

Já pensou nisso?

Parece um pesadelo dos grandes, mas felizmente há como prevenir que isso aconteça com você.

Claro, no final das contas, é melhor prevenir do que remediar, já diziam os mais velhos!

Bem, pensando em ajudar, nós decidimos criar um conteúdo que deixe muito claro e bem explicado do que se trata o conteúdo enganoso no Ads.

Vamos juntos?

#A política Ads sobre conteúdo enganoso

Basicamente, a política do Ads que trata desse assunto em específico, está englobada dentro do setor de Declarações Falsas da plataforma.

Não sabemos se você já parou algum momento para olhar com calma cada um desses itens, mas tudo bem, nós vamos lhe explicar de maneira simples…

O Google preza pela qualidade da experiência de seus usuários e disso certamente você tem ciência.

Com essas regras ele tenta mais uma vez proteger todos os utilizadores de suas plataformas, independente da fase, seja usuário comum, seja investidor ou anunciante.

Enfim, a medida é para evitar que hajam enganos, fraudes ou mentiras veiculadas através dos anúncios Google.

Segundo a própria empresa, o ideal é que apenas anúncios honestos, verdadeiros e claros em informações sejam exibidos. Afinal, eles possuem o poder de imprimir influências nas decisões dos usuários e esse poder não deve ser utilizado de maneira leviana ou fraudulenta.

#Site suspenso por conteúdo enganoso?

Esse pode não ser o seu caso, mas é extremamente importante que você preste atenção nisso.

Muitos anunciantes fazem a seguinte reclamação:

  • “Tive o meu site descontinuado sem grandes explicações, o Google afirma que eu estou anunciando conteúdo enganoso, mas eu não estou tentando fazer isso com ninguém!”.

Primeiro de tudo se acalme. Você pode estar certo sim, mas em partes…

Isso porque conteúdos que não têm embasamento científico ou não podem ser comprovados de alguma forma confiável, podem ser considerados enganosos.

Para solucionar essa questão e ter o seu site de volta, na maioria das vezes, o Google pedirá a você que promova mudanças para fazer com que os conteúdos sejam adequados às políticas, a começar por entregar informações concisas e garantidas.

Você pode estar achando isso uma verdadeira chatice, mas tenha certeza que não é, na realidade, você conseguirá conquistar uma maior confiança dos seus usuários, além de ser um parceiro Google que contribui para o projeto da boa publicidade online no país.

 

O que é conteúdo enganoso no Ads.

 

#Apontamentos ou suspeitas de conteúdo enganoso no Ads

Para as coisas ficarem ainda mais claras para você, nós vamos lhe mostrar quais são os conteúdos que podem ser vistos como enganoso pelo Ads.

Desse modo, você pode se prevenir de punições ou suspensões, ok? Antes de iniciar os apontamentos, nós precisamos dizer que esses são apenas alguns exemplos, que outros podem existir, portanto fique atento.

Vamos lá:

  • Não são toleradas: Informações claramente exageradas ou promessas grandiosas que com uma simples análise pode ser concluído que não trata-se de verdade ou que é dificilmente cumprida.
  • Aceita apenas com provas: Conteúdos que mostram declarações de “possíveis clientes” falando que os resultados que obtiveram são muito comuns, que qualquer um pode obter, devem estar acompanhados de provas, como links ou advertências de desobrigação de encargo relevante e compreensíveis.
  • Não são toleradas: Conteúdos que trabalhem com promessas de cura de doenças, distúrbios ou qualquer outra coisa que não tem base científica confiável.
  • Aceita apenas quando clara e acessível: Esse caso é especificamente para as garantias. Elas são aceitas sim, você não ficou louco, mas elas precisam estar baseadas dentro de uma política bem clara e com opção de reembolso sem grandes complicações. Claro, elas devem também respeitar a legislação local.
  • Não são toleradas: Conteúdos, promoções ou qualquer alegação que tente prejudicar o usuário, induzi-lo ao erro, inclusive, se for para gerar engajamento com os anúncios.

#4 Dicas para solucionar possíveis problemas e se livrar de punições

Agora que você já sabe tudo sobre como funciona o conteúdo enganoso no Ads, chegou o momento de entender como proceder para solucionar possíveis problemas e se livrar de punições.

  1. Olhe todo o seu site: Para garantir que tudo está em ordem, não basta apenas olhar o apontamento do Google ou a página que você acha mais importante, pois você poderá ter o site bloqueado por inteiro, por causa de, apenas, uma página. Veja se não há informações semelhantes em outras páginas que fazem referência a um conteúdo enganoso.
  2. Remova: Claro, se você for notificado ou na análise pessoal de seu site perceber que há conteúdos que podem ser classificados pelo Google como enganoso, remova-os o quanto antes.
  3. Utilize avisos: Lembre-se, alguns conteúdos são permitidos, apenas, se tiverem avisos, como citamos ao longo desse material, então não se esqueça de adequá-los.
  4. Leia e releia as políticas: Apesar de estarmos falando exclusivamente de conteúdo enganoso, ler as políticas do Google vai te ajudar não só com elas, mas com todas as restrições e, consequentemente, a utilização correta da plataforma como um todo.

 

O que é conteúdo enganoso no Ads,

 

A central de ajuda do Ads também pode ser uma excelente fonte de respostas para possíveis questões específicas com relação às políticas e práticas.

Claro, caso você tenha dúvidas em relação a esse assunto ou a outros relacionados, entre em contato com a gente, seja pelos comentários abaixo ou pelas redes sociais do Mestre do Ads. Teremos o maior prazer em lhe retornar e possivelmente sanar suas dúvidas.

Nosso desejo é que esse conteúdo tenha sido imensamente relevante para você e que, sobretudo, ele tenha lhe ajudado a entender a visão do Google quanto a esse assunto.

Agora chegou o momento de colocar a mão na massa e verificar se o seu site está correndo perigo, ok? O quanto antes começar, maiores serão as chances de você não ter maiores complicações.

Volte sempre que precisar, estaremos lhe esperando sempre com conteúdos novos, relevantes e atualizados.

Desejamos-lhe sucesso sempre, nos vemos por aí!

Forte Abraço.

 

Compartilhar.

Uma semana de aulas ao vivo para você aprender a vender mais com anúncios no Google, Facebook, YouTube e Instagram - As maiores ferramentas de vendas da internet.

Cadastre-se abaixo para participar: